Itaipu - Binacional

A Usina Hidrelétrica de Itaipu faz parte da lista das Sete Maravilhas do Mundo Moderno.

E é algo fantástico, uma maravilha da Engenharia.

É atualmente, a maior usina hidrelétrica do mundo em geração de energia. Com 20 unidades geradoras e 14.000 MW de potência instalada, fornece 16,4% da energia consumida no Brasil e abastece 71,3% do consumo Paraguaio.

A Itaipu tem 20 unidades geradoras. A última instalada começou a gerar energia em 2007.
Cada uma tem capacidade de 700 megawatts (MW), potência suficiente para abastecer uma cidade com 1,5 milhão de habitantes. Juntas as 20 unidades geradoras somam 14 mil MW.
Para se ter ideia da potência da Itaipi, 12 de suas unidades seriam capazes de fornecer toda a energia consumida nos três Estados do Sul do Brasil. Ou, então, sete unidades atenderiam toda a demanda do Estado do Rio de Janeiro.
Cada unidade geradora é composta por um gerador, uma turbina e seus auxiliares.
A pressão da água que entra na turbina, por meio do conduto forçado, produz um movimento giratório do eixo, o qual, por meio de um campo magnético induzido dentro do gerador, gera eletricidade.
Ou seja, a energia hidráulica é transformada em energia mecânica quando a água passa pela turbina, fazendo com que esta gire. No gerador, que está acoplado à turbina, a energia mecânica é transformada em energia elétrica.

Fonte: Aqui

Fizemos o passeio especial que começa com um filme e depois a visita pela usina.

Condutos por onde escoam até 700 mil litros de água por segundo, ou metade da vazão das Cataratas do Iguaçu em cada um deles.
Sala de Controle

A sala de controle é Binacional.

Sala do gerador


Elevador que nos leva as turbinas



Uma das 20 turbinas em funcionamento.













  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • Twitter
  • RSS
Read Comments

0 Response to "Itaipu - Binacional"

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário.